Capítulo 7. Demetria – Fantasmas do Passado



ㅤㅤㅤㅤScott me levou para casa e não fez nenhuma pergunta durante todo o caminho, o que agradeci mentalmente. Qualquer um teria questionado minha reação histérica e minhas lágrimas, mas não ele. Scott apenas ficou do meu lado. Ele parou o carro em frente a minha casa e ficamos sentados lado a lado.
ㅤㅤㅤㅤ__Você está bem?__ ele perguntou.
ㅤㅤㅤㅤ__Estou sim. Desculpe por bancar a idiota e estragar nosso encontro.
ㅤㅤㅤㅤ__Pensei que não fosse um encontro__ ele disse divertido.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu não enganei ninguém com esse papo__ fiz uma careta e ele riu.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu me diverti sabe? Antes de você surtar... Só não entendi o que houve. Foi por culpa do Joseph?
ㅤㅤㅤㅤ__Ele me lembra muito alguém que quero esquecer. Traz-me más lembranças. 
ㅤㅤㅤㅤ__Está falando do seu pai?__ ele perguntou cauteloso. Scott não sabia da história toda, só que meu pai era um idiota alcoólatra e que eu odiava falar sobre ele. Selena era a única que conhecia toda a história que envolvia meu pai.

ㅤㅤㅤㅤ__É, mas... Não quero falar sobre isso.
ㅤㅤㅤㅤ__Desculpe.
ㅤㅤㅤㅤ__Tudo bem. Obrigada pela noite Scott.
ㅤㅤㅤㅤ__Qualquer coisa para te ver sorrir__ eu sorri para ele, e antes que pudesse reagir ele se inclinou em minha direção e me deu um rápido selinho. Delicado e inocente__ boa noite Demi, até segunda feira. 
ㅤㅤㅤㅤ__Boa noite.
ㅤㅤㅤㅤSai do carro um pouco tonta, sem acreditar na noite que tivera. Encontrei minha mãe sentada no sofá.
ㅤㅤㅤㅤ__Como foi o encontro?__ ela perguntou.
ㅤㅤㅤㅤ__Foi... Interessante__ não consegui pensar em outra palavra para descrever.
ㅤㅤㅤㅤ__Não vai negar que foi um encontro?
ㅤㅤㅤㅤEu me limitei a sorrir.
ㅤㅤㅤㅤ__Boa noite mãe. 
ㅤㅤㅤㅤDei um beijo em sua bochecha e subi para o meu quarto com um sorriso no rosto. No fim das contas a noite não fora assim tão ruim.

_____________________________
ㅤㅤㅤㅤSábado de manhã de manhã achei que teria um dia tranquilo para descansar. Eu não podia estar mais errada. Paul tinha levado minha mãe ao médico para saber como andavam as coisas com o bebe. Os outros estavam fazendo suas coisas, exceto por Joseph. A porta do quarto dele estava trancada como sempre, mas eu não sabia se ele estava lá, e na verdade não me importava muito.
ㅤㅤㅤㅤAs coisas começaram a dar errado quando Aléxis me chamou até seu quarto. A acompanhei, estranhando o nervosismo dela e quando entrei ela fechou a porta. Alexia andava de um lado para o outro com uma expressão de desespero no rosto.
ㅤㅤㅤㅤ__O que está acontecendo?__ perguntei nervosa.
ㅤㅤㅤㅤ__Preciso da sua ajuda__ Alexia disse e me encarou de olhos arregalados__ acho que estou grávida.
ㅤㅤㅤㅤ__O que?__ saiu um pouco mais alto do que eu esperava e Aléxis tampou minha boca.
ㅤㅤㅤㅤ__Não grite, os vizinhos não precisam saber. 
ㅤㅤㅤㅤ__Como diabos isso foi acontecer?
ㅤㅤㅤㅤ__Acho que é bem grandinha e sabe como os bebes são feitos__ Aléxis provocou.
ㅤㅤㅤㅤ__Alexia__ insisti.
ㅤㅤㅤㅤ__Foi um acidente.

ㅤㅤㅤㅤ__Um acidente? Você engravidou por acidente?
ㅤㅤㅤㅤ__Não tenho certeza ainda. Foi numa festa, o gatinho que eu tava de olho há um século finalmente me deu bola, e acabou rolando ta bem?
ㅤㅤㅤㅤ__Você não usou proteção?
ㅤㅤㅤㅤ__Eu esqueci, estava preocupada com outra coisa no momento.
ㅤㅤㅤㅤ__Você é burra por acaso? Oh Meu Deus__ aquilo não podia estar acontecendo__ você só tem dezessete anos, nem devia estar por ai transando com ninguém.
ㅤㅤㅤㅤ__Ah não venha me julgar que você não é nenhuma santa. Você perdeu sua virgindade com quinze, com um cara dez anos mais velho que você que conheceu numa festa. E você estava bêbada__ Bem, essa era uma longa história.
ㅤㅤㅤㅤ__Pelo menos eu tenho uma desculpa, eu estava bêbada, você só é estúpida.
ㅤㅤㅤㅤ__Escuta__ Aléxis se intrometeu__ precisamos que você compre um teste gravidez para ela fazer. Só assim vamos ter cem por cento de certeza.
ㅤㅤㅤㅤ__Espera um segundo__ eu as fitei__ você faz a besteira e eu tenho que pagar? Quer que eu gaste meu dinheiro num teste de gravidez? Porque você não compra?

ㅤㅤㅤㅤ__Porque eu não tenho dinheiro.
ㅤㅤㅤㅤ__E onde você estava quando isso aconteceu?__ perguntei a Aléxis__ vocês fazem tudo juntas, porque não a impediu de cometer essa burrice?
ㅤㅤㅤㅤ__Tem um limite para as coisas que podemos fazer juntas e é esse. 
ㅤㅤㅤㅤ__Por favor, me ajuda Demi__ Alexia implorou__ pode me julgar o quanto quiser depois, mais eu preciso fazer esse teste, preciso saber se estou mesmo grávida.
ㅤㅤㅤㅤComo se precisássemos de mais gente nessa casa. Aquilo não podia estar acontecendo. Concordei de má vontade e fui até meu quarto pegar dinheiro. E eu que tinha prometido a mim mesma que não gastaria com mais nada. Fui até a farmácia, que não ficava muito longe de casa, comprei o teste e fui caminhando de volta, desejando mentalmente que Deus estivesse escutando e não permitisse que Alexia estivesse mesmo grávida. 
ㅤㅤㅤㅤQuando virei à esquina, vi alguém parado na entrada de casa. Empaquei onde estava, reconhecendo a figura robusta e descabelada mesmo a distancia. Ele pareceu me reconhecer também, abriu um sorriso de dentes amarelos e cambaleou até onde eu estava congelada.

ㅤㅤㅤㅤ__Dems__ ele se aproximou para me abraçar mas eu me afastei no ultimo segundo e ele quase caiu no chão__ filha, como é bom te ver.
ㅤㅤㅤㅤ__O que está fazendo aqui?
ㅤㅤㅤㅤ__Eu estava com saudade.
ㅤㅤㅤㅤ__Você não devia estar aqui, vá embora, não quero te ver.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu sou sei pai.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu não tenho pai__ cuspi as palavras.
ㅤㅤㅤㅤMe apressei para passar por ele e entrar na casa, mas ele agarrou meu braço e me puxou para perto. A expressão em seu rosto mudou de doce e acolhedora para zangada e impaciente. Eu podia dizer pelo cheiro que emanava dele que estava bêbado, o que não era uma novidade para mim. 
ㅤㅤㅤㅤ__Tudo bem, vamos direto ao assunto então. Eu preciso de dinheiro.
ㅤㅤㅤㅤ__Está me pedindo dinheiro?__ eu o encarei incrédula.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu fui demitido do meu emprego e estou cheio de dividas para pagar. Preciso de grana ou vão cortar minha cabeça fora, eu não tenho muito tempo, você tem que me ajudar.

ㅤㅤㅤㅤ__Porque eu ajudaria você?__ tentei me soltar mas seu aperto era forte.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu já disse, eu sou seu pai, você tem que me ajudar.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu não tenho dinheiro.
ㅤㅤㅤㅤ__Se você não me der o dinheiro, eu vou pedir a sua mãe e aposto que você não quer que eu faça isso não é? Não quer que eu importune sua mãezinha e seu novo papai não é mesmo?
ㅤㅤㅤㅤ__Você é um bêbado desgraçado, não se atreva a chegar perto da minha mãe.
ㅤㅤㅤㅤ__Então me dê o dinheiro. 
ㅤㅤㅤㅤ__Me solta, você está me machucando, eu não tenho dinheiro algum...
ㅤㅤㅤㅤ__Hey__ ouvi um grito vindo da esquina, ergui os olhos naquela direção e vi Joseph se aproximando a passos largos, ainda com a mesma roupa da noite passada. Nunca fiquei tão feliz em vê-lo__ solta ela.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu venho buscar a grana segunda feira__ ele sussurrou no meu ouvido e me deu um beijo na bochecha__ foi bom conversar querida.
ㅤㅤㅤㅤEle saiu correndo antes que Joseph chegasse até onde eu estava. Ele se aproximou de mim, com uma cara de sono e poucos amigos.

ㅤㅤㅤㅤ__Você está bem?__ ele perguntou, não parecia realmente interessado no meu bem estar, mas mesmo assim agradeci mentalmente por ele ter aparecido justo naquela hora.
ㅤㅤㅤㅤAbri a boca para tentar responder e senti um gosto salgado na boca. Eram lágrimas, eu estava chorando, tentei falar e minha voz não saiu. Minhas mãos começaram a tremer e meu coração estava disparado dentro do peito. A expressão de Joseph agora parecia genuinamente preocupada, o que não era bom sinal... Se depois da noite passada ele estava preocupado comigo, algo estava realmente errado.
ㅤㅤㅤㅤ__Demetria?__ ele chamou.
ㅤㅤㅤㅤLhe dei as costas, não sei onde arranjei forças para me mover, mas corri para dentro de casa. Passei por Ethan que estava sentado no sofá e esbarrei com Victória enquanto subia as escadas. Entrei no meu quarto feito um furacão e enquanto as lágrimas desciam embaçando minha visão, comecei a sentir uma fúria sem igual crescer dentro de mim. 
ㅤㅤㅤㅤAquele homem desprezível. Que direito ele achava que tinha depois de tudo que me fez passar? Como podia aparecer assim e me ameaçar, ameaçar minha família? Como podia não se importar nenhum pouco se estava ferindo os sentimentos da própria filha? Como podia se importar só com dinheiro? Quem ele pensava que era para aparecer assim e destruir o pouquinho de felicidade que eu começava a cultivar?
Eu gritei, gritei alto, com toda força que tinha, colocando para fora a raiva que se acumulou no meu peito. Ouvi passos no corredor, mas ignorei. Peguei um vaso que enfeitava a cômoda do meu quarto e o joguei contra a parede, precisando extravasar aquela raiva. 
ㅤㅤㅤㅤ__Demi?__ ouvi a voz de Jason me chamando.
ㅤㅤㅤㅤ__Não entre ai__ era Joseph.
ㅤㅤㅤㅤEu os ignorei e continuei gritando, quebrando tudo que via na minha frente. Joguei os travesseiros e os lençóis longe, taquei o caderno com minhas poesias e textos para o alto.
ㅤㅤㅤㅤ__Tenho que ajudá-la__ Jason disse.
ㅤㅤㅤㅤ__Ela enlouqueceu__ era Victória.
ㅤㅤㅤㅤ__Exatamente__ Joseph novamente__ ela está surtando, se entrar ai vai se machucar.
ㅤㅤㅤㅤ__Alguém tem que ajudá-la. 
ㅤㅤㅤㅤEu não conseguia enxergar nada através do véu de lágrimas, senti uma dor aguda na mão e pensei ter visto sangue, não tinha certeza. De repente senti braços a minha volta, alguém me segurou com força, me prendendo no lugar. Tentei me soltar, mas a pessoa era forte demais. Esperneei descontrolada até perder as forças. A pessoa que me segurava se abaixou me levando junto, até que eu estava sentada no chão, soluçando contra seu peito.

ㅤㅤㅤㅤ__Traga o quite de primeiros socorros__ ele disse, percebi que era Joseph... Era ele quem estava me segurando__ rápido, ela está sangrando. 
ㅤㅤㅤㅤMeu corpo inteiro tremia. Me senti uma garotinha de novo. Uma menininha assustada que se escondia com medo quando o pai chegava em casa bêbado e começava a gritar com a mãe. Ergui as mãos para tampar os ouvidos, podia ouvir a voz dele gritando obscenidades, chamando-a de imprestável e vadia. 
ㅤㅤㅤㅤ__Demetria__ a voz de Joseph me trouxe de volta a realidade__ Demetria, olhe para mim.
ㅤㅤㅤㅤEu me forcei a me concentrar e fitá-lo. Seu rosto estava borrado por conta de minhas lágrimas.
ㅤㅤㅤㅤ__Você precisa se acalmar está ouvindo?
ㅤㅤㅤㅤRespirei fundo, tentando espantar aquela sensação horrível que tomou conta de mim. Eu tinha chegado ao fundo do poço uma vez por causa dele. E prometi a mim mesma que nunca mais choraria por sua causa. Ele podia levar meu dinheiro e todo o resto, mas não podia deixar que destruísse ainda mais meu coração já quebrado. 

Fim do Capítulo


Surpresaaaaaaaaaaaa 2 capítulos hoje, hahahaa


Capítulo 8. Joseph – Segredos e Mágoas

ㅤㅤㅤㅤQuando Demetria finalmente conseguiu se acalmar, expulsei todo mundo do quarto, peguei o quite de primeiros socorros da mão de Jason e ali mesmo sentado no chão comecei a fazer o curativo na mão dela. Ela se cortara feio com um pedaço de vidro e não parava de sangrar, um pedaço do seu rosto também estava sujo de sangue porque ela tampara os ouvidos e acabara se sujando toda. 
ㅤㅤㅤㅤEu não tinha que ajudá-la, podia ter deixado que Jason o fizesse. Mas ela também não precisava ter me ajudado quando aqueles caras me bateram, nem precisava ter me dado dinheiro. E tinha alguma coisa no olhar perdido dela, quando me encarou em meio às lágrimas que fez lembrar de mim mesmo e me senti na obrigação de fazer alguma coisa. Não que me importasse com ela... Era só algo que eu precisava fazer. 
ㅤㅤㅤㅤ__Então... __ tentei quebrar o silencio enquanto enfaixava sua mão__ esse meu gesto de caridade deve diminuir um pouco minha divida com você certo? Vale no mínimo umas cinquenta pratas? Fico te devendo só oitocentos e cinquenta?
ㅤㅤㅤㅤEsperei que me olhasse feio, dissesse alguma coisa, qualquer coisa. Mas ela me fitou com seus grandes olhos castanhos distantes, como se não me visse, mas sim uma outra pessoa completamente diferente.

ㅤㅤㅤㅤ__Porque você é assim?
ㅤㅤㅤㅤ__O que?__ eu a encarei confuso.
ㅤㅤㅤㅤ__Porque você bebe? Porque joga e dorme com um monte de garotas sem se importar com nada, sem se importar com quem pode estar magoando?
ㅤㅤㅤㅤ__Porque eu gosto, é divertido__ respondi na defensiva, repentinamente irritado.
ㅤㅤㅤㅤMas o olhar dela não era acusador, ela não estava tentando me julgar, só parecia realmente querer saber o porquê. E eu gostaria de saber explicar, gostaria que a resposta fosse simples. 
ㅤㅤㅤㅤ__Eu me sinto melhor desse jeito__ murmurei sem saber ao certo porque me dava ao trabalho de responder, acho que era a dor que eu via em seus olhos, eu sabia o que era sofrer e ninguém merecia sentir isso, nem mesmo uma chatinha como ela__ eu bebo para esquecer dos problemas, para esquecer que estou completamente ferrado e que perdi coisas muito importantes na minha vida e que já é tarde demais para consertar. 
ㅤㅤㅤㅤ__Você não pode afogar suas mágoas__ ela sussurrou__ eu já tentei uma vez, mas descobri que elas sabem como nadar. A única coisa que você consegue é ir matando aos poucos a pessoa que você costumava ser até um ponto que não tem mais volta.

ㅤㅤㅤㅤEu duvidava que alguém como Demetria Lovato já se embebedara alguma vez, ela era tão certinha. Mas olhando seu estado agora, ali diante de mim não parecia tão impossível que ela realmente soubesse como era. 
ㅤㅤㅤㅤ__Se apegar as pessoas não leva a nada de bom. Você só se decepciona__ eu disse.
ㅤㅤㅤㅤEla fechou os olhos com força e lágrimas escaparam.
ㅤㅤㅤㅤ__Quem era aquele homem Demetria?__ perguntei.
ㅤㅤㅤㅤ__Era o homem que partiu meu coração__ ela murmurou__ era meu pai. 
ㅤㅤㅤㅤ__Seu pai?__ eu nunca tinha ouvido nenhum dos Lovato falar nada sobre ele. 
ㅤㅤㅤㅤ__Eu sei que você sofreu com a perda da sua mãe__ ela disse de repente__ que isso mudou você. Meu pai ainda está vivo, mas ele morreu para mim há muito tempo atrás. 
ㅤㅤㅤㅤLembrei de nossa discussão na boate. Ela havia dito que ele era como eu, um bêbado que não se importava com o sentimento dos outros. 
ㅤㅤㅤㅤ__O que ele queria com você?

ㅤㅤㅤㅤ__Eu agradeço pelo curativo__ ela soltou sua mão da minha e se levantou__ preciso arrumar o quarto antes que minha mãe volte, eu agradeceria se você não contasse nada disso a ela. 
ㅤㅤㅤㅤ__Ok.
ㅤㅤㅤㅤO olhar em seu rosto dizia que era o fim do nosso agradável bate papo. Juntei as coisas do chão e me levantei também.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu posso te ajudar a limpar tudo se quiser, está com uma mão a menos. 
ㅤㅤㅤㅤ__Não precisa ser gentil comigo só porque surtei um pouco. 
ㅤㅤㅤㅤ__Não sou uma pessoa gentil, só estou tentando diminuir minha divida, não gosto de ficar devendo nada, muito menos a você.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu te disse que não precisava me pagar de volta.
ㅤㅤㅤㅤ__E ficar te devendo um favor pelo resto da vida? Nunca. 
ㅤㅤㅤㅤEla me encarou desconfiada, parecia estar voltando aos poucos ao seu estado normal. Devo admitir que fiquei curioso para saber mais sobre o pai dela. O que ele havia dito a ela para deixá-la daquela forma tão alterada? Não achei que alguém fosse capaz de fazer a senhorita certinha surtar. 
ㅤㅤㅤㅤ__Tudo bem, já que insiste.

ㅤㅤㅤㅤArrumamos as coisas em silencio por um tempo. Ela arrumou a cama e eu catei os cacos de vidro no chão. A raiva que eu estava sentindo pela noite passada foi se esvaindo aos poucos enquanto os minutos passavam. Talvez porque eu achasse que ela já havia sido devidamente punida por seu mau comportamento, ou talvez fosse outra coisa, eu não sabia explicar. 
ㅤㅤㅤㅤ__Ele nunca foi um bom pai__ ela disse de repente, quebrando o silencio__ vive bêbado desde que consigo me lembrar. Foi demitido de muitos empregos e vivia do dinheiro que minha mãe ganhava, que não era muito. Ele gastava tudo com bebida, prostitutas, jogos e enquanto isso nós passávamos fome, porque minha tinha que escolher entre a comida e pagar as contas para não sermos despejados. Ela não podia se dar ao luxo de morar na rua com quatro crianças para cuidar.
ㅤㅤㅤㅤ__Porque esta me contando isso?
ㅤㅤㅤㅤ__Você não quer saber? Não está curioso?__ ela me fitou__ não é por isso que está me ajudando, porque quer saber o motivo do meu surto? Então estou te contando, assim acabamos com o joguinho.
ㅤㅤㅤㅤEu não tinha uma boa resposta para aquilo.

ㅤㅤㅤㅤ__Ele chegava em casa bêbado todas as noites. Quando estava muito irritado batia na minha mãe. Eu me trancava no quarto com meus irmãos e ficava ouvindo os gritos dela, implorando para ele parar. Ouvindo ele a xingar de nomes horríveis, alguns em nem sabia o significado. Quando minha mãe não estava em casa ele trazia mulheres com ele, e ameaçava me bater se eu contasse a ela. Ele na verdade me bateu muitas vezes, quando estava zangado demais e minha mãe não estava lá para ele descontar nela, ele batia em mim. Tentava bater nos meus irmãos também, mas eu os escondia e levava a surra por eles. 
ㅤㅤㅤㅤFiquei olhando para ela sem saber o que dizer.
ㅤㅤㅤㅤ__Minha mãe até hoje não sabe que ele me batia, eu nunca contei a ela. Ela só presenciou isso uma única vez, foi quando finalmente se revoltou e se separou dele. Ela o denunciou a policia e até chegou a ficar preso por alguns dias acho, mas não durou muito. Ele vem sempre me procurar atrás de dinheiro, era isso que ele queria comigo, dinheiro. 
ㅤㅤㅤㅤ__Sua mãe não sabe de nada disso?
ㅤㅤㅤㅤ__Não vou deixar que ele estrague a felicidade dela. Depois de tantos anos a ouvindo ser maltratada, a ouvindo chorar, ela finalmente encontrou um homem que a ama e a trata como ela merece, não vou permitir que ele estrague isso. Nem ele e nem ninguém.

ㅤㅤㅤㅤ__Então você aguenta tudo sozinha? Os seus irmãos também não sabem?
ㅤㅤㅤㅤ__Eles não sabem, na verdade não lembram de boa parte das coisas que nosso pai já fez e eu prefiro que continue assim.
ㅤㅤㅤㅤ__Eu não entendo você__ confessei. Eu não imaginava que ela e a família tivessem passado por tudo aquilo. Não fazia ideia de que ela tinha agüentado tanta coisa. Não entendia como ela conseguia guardar para si mesma esse segredo, porque se sacrificava para proteger todo mundo.
ㅤㅤㅤㅤ__Quando ele finalmente foi embora eu surtei, passei por uma fase de rebeldia__ ela sussurrou, arrumando os objetos na cômoda distraidamente. Ela se abaixou e pegou um caderno do chão, começou a folheá-lo__ eu comecei a beber como você pra tentar fazer a dor passar. Comecei a andar com más companhias e dormia com o primeiro cara que aparecia na minha frente. Eu fazia de tudo, tudo para sentir alguma coisa, algo diferente da raiva e da decepção que ele me causara. Eu chegava em casa acabada e via minha mãe chorar desesperada... Foi ai que percebi que estava ficando igual a ele, estava fazendo exatamente o que ele fazia, estava fazendo minha família sofrer. Então me recompus e prometi a mim mesma que isso jamais se repetiria, que nunca mais deixaria eles sofrerem, que não deixaria que ele me mudasse, que mudasse o tipo de pessoa que eu queria ser.

ㅤㅤㅤㅤEla se levantou, ainda com o caderno aberto nas mãos.
ㅤㅤㅤㅤ__Comecei a escrever como me sentia, foi como surgiu meu desejo de ser jornalista, ser escritora. Me tornei a menina chatinha que você conhece hoje. É o meu melhor momento até agora__ ela colocou o caderno aberto sobre a cômoda__ é isso. Agora você sabe tudo sobre mim. Satisfeito?
ㅤㅤㅤㅤ__Eu realmente não sei o que dizer.
ㅤㅤㅤㅤ__Não precisa dizer nada. Só prometa que não vai contar nada disso a mais ninguém.
ㅤㅤㅤㅤ__Era por isso que estava tão zangada comigo__ eu disse de repente entendendo__ o meu jeito te faz lembrar dele. 
ㅤㅤㅤㅤ__Achei que se você tivesse um bom motivo para ser assim talvez ele também tivesse, mas acho que no fim das contas ele é simplesmente um idiota. E eu te devo desculpas.
ㅤㅤㅤㅤ__Me deve desculpas?__ a encarei confuso.
ㅤㅤㅤㅤ__Descontei a raiva que sentia dele em você. Não tenho direito algum de te julgar. Não temos que ser amigos, mas moramos na mesma casa e para o bem de todos é melhor que não fiquemos brigando o tempo todo. Você não gosta de mim claramente, e eu não gosto muito de você, então... Fiquemos fora do caminho um do outro e tudo bem, o que me diz?
Olhei para ela por um longo minuto. Quando cheguei em casa não estava esperando por nada daquilo, por toda aquela confissão e tudo o mais, muito menos depois da noite anterior. Mas suponho que ela estava certa, só porque não íamos muito um com a cara do outro não queria dizer que precisávamos ficar o tempo todo brigando. Era só... Ficar cada um na sua. Se bem que, mesmo sem querer, acho que ela tinha ganhado um pouquinho do meu respeito. 
ㅤㅤㅤㅤ__Combinado.
ㅤㅤㅤㅤ__Ótimo__ ela deu um meio sorriso__ vou tomar um banho e dizer para os outros que não enlouqueci, muito obrigada pela ajuda Joseph.
ㅤㅤㅤㅤEla saiu do quarto e me deixou sozinho. Caminhei lentamente até cômoda, onde o caderno dela estava aberto e vislumbrei o que pareciam alguns versos.


Pois você só precisa da luz quando está escurecendo
Só sente falta do sol, quando começa a nevar
Só sabe que a ama quando a deixou ir
Só sabe que estava bem quando está se sentindo pra baixo
Só odeia a estrada quando está com saudade de casa
Só sabe que a ama quando a deixou ir
E você a deixou ir

ㅤㅤㅤㅤFechei o caderno, dei meia volta e sai do quarto, indo me trancar no meu próprio. Também precisava de um banho, mas como só havia um banheiro eu teria que esperar. Sentei na cadeira em frente à escrivaninha que tinha no meu quarto, puxei um bloco de folhas e um lápis e comecei a rabiscar para passar o tempo. Não tinha nada me mente quando comecei a desenhar, isso acontecia frequentemente comigo, eu só sabia o que estava desenhando quando estava prestes a terminar. Eu fazia meio que inconscientemente. 
ㅤㅤㅤㅤPerdi a noção do tempo enquanto desenhava, com os pensamentos distantes. Quando finalmente parei e larguei o lápis, um rosto me encarava de volta da folha antes em branco. Era o rosto de Demetria, com lágrimas lhe inundando os olhos, os cabelos caindo de forma irregular pelo rosto. Arranquei a folha do bloco e ia amassá-la para jogar fora, mas parei no ultimo segundo, fitando o desenho. 
ㅤㅤㅤㅤOs versos que ela escreva ficaram na minha cabeça. Rabisquei-os no canto da folha pensativo. Acabei por guardá-lo na minha gaveta junto com outros desenhos meus. Depois disso fui procurar alguma coisa para comer e beber. É... Eu estava a tempo demais sem por nada no estomago, estava afetando meu cérebro. 

Fim do Capítulo




7 comentários:

  1. EU AMEI esses capítulos, esta perfeito!!!
    me deu pena de Demi, tadinha, que vontade arregaçar a cara do pai dela, ele não presta, merece apanhar... já vi que ele infelizmente vai encher o saco dela né?
    achei fofo ela conversando, e se abrindo pro Joe sem brigar com ele, já um passo para que eles comecem a se aproximar mais e rolar uns pegas kkkkkkkk
    essa irmã da Demi safadinha, viu?? eu espero que ela não esteja gravida, senão vai rolar confusão.
    ah, eu percebi que a Demi entrou no quarto com o teste de gravidez, até pensei que Joe que ia ver, mas eu acho que se ela não esconder ou entregar para a irmã quem vai acabar se ferrando é Demi, pq vão pensar que ela esta gravida. :/
    Joe desenhando a Demi. ele ta se apaixonando *---*
    posta logo!! <3

    ResponderExcluir
  2. ahhhh dois capitulos de uma vez :sadkjnvcnzd chorei, to amando, posta mais, beeijos

    ResponderExcluir
  3. O que dizer sobre a surpresa do capítulo 8? Tive um surto de felicidade, e estou muito ansiosa para saber como eles vão ficar juntos.. mas tive a leve desconfiança que o Joe já está começando ver a Demi com outros olhos.. Principalmente porque ele a desenhou, e também porque não amassou o desenho e o jogou fora.
    A Fic é excelente, é tão boa que eu fico na expectativa para saber se você já postou. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Capitulo Otimo, Otimo, otimo

    Divulga pra mim *-*

    http://jamaisteesquecereijemienelena.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Meu Deus, que capítulos fofos.
    Fiquei com muita dó da Dems porque ela tem que aguentar aquele idiota do pai dela.
    O Joe já está se apaixonando, até desenhou ela e escreveu uma frase dela junto ao desenho e foi muito fofo o jeito que ele cuidou dela, estou até pensando quando vai ser o primeiro beijo.
    Adoreii que eles conversaram e que a Demi contou tudo pro Joe sem eles brigarem.
    O que será que vai acontecer com o teste? e.e
    Posta logo!!
    Adoreii a surpresa!!

    ResponderExcluir
  6. O que dizer desses capítulos? Eu simplesmente amei e amei muito os melhores até agora. Só tende a melhorar. Quero mais!!
    Continua
    Fabíola Barboza

    ResponderExcluir
  7. Perfeitos!!!
    Chorei lendo o cap 8 :(
    Posta logo gatona!!!!!!!
    Beijos com glitter

    By - Milena ♥♡

    ResponderExcluir

Espero que tenham gostado do capítulo :*