Capítulo 5 - Dedicado a Brenda linds



Los angeles







QUARTA-FEIRA, 21 DE NOVEMBRO ─ 16 HORAS






Joe estava escorado na parte de trás do sofá, a garota loira entre suas pernas, as mãos presas em seu cabelo enquanto as dele deslizavam cuidadosamente pelas costas dela. Há puxou um pouco mais pra perto, aprofundando mais o beijo... Estava tão perdido no momento que não perceber quando Demi entrou batendo a porta completamente irritada.






_O que é isso aqui em?_ ela observou a cena dele aos beijos com a garota horrorizada.


_Érr... Demi_ ele sorriu envergonhado, se ajeitando e abraçando a garota de lado.


_Érr... Eu mesma_ ela sorriu amargamente_ acho que esqueci de lhe ditar uma das minhas regras... Nada de trazer suas peguetes pra MINHA casa. Eu odeio isso.


A garota ficou vermelha e olhou pro chão.


_Essa é minha namorada Ashley_ Joe disse sorrindo de lado.


_Você não me disse que tinha namorada_ ela fez careta.


_Acho que esqueci de comentar_ ele deu de ombros constrangido.






Demi observou a garota discretamente... Usava uma bermuda não muito colada, uma bata, sandália rasteirinha... Os cabelos loiros soltos... E ao julgar pela roupa e pela cor vermelha em seu rosto ela era do tipo santinha... Demi reconhecia esse tipo de longe.






_Bom... Já que ela é sua namorada_ sorriu agora mais naturalmente_ Pode vir sempre que quiser. Ah sou Demi.


_É um prazer Demi_ a garota sorriu timidamente.


_Bom, fique a vontade_ ela disse_ e só pra saber Jonas... Se trouxer alguma mulher aqui sem ser sua namorada... Eu te mato.


_Eu vou adorar isso_ Ashley disse e as duas riram juntas.


_Eu to frito_ Joe fez careta.


_Bom... Vou deixar os pombinhos em paz... Foi um prazer Ashley.


_Igualmente.






Demi sorriu de lado e passou por eles... Subiu as escadas correndo e foi pra seu quarto. Ashley se virou pra encarar Joe ainda um pouco envergonhada. Ele riu da expressão no rosto dela e ergueu a mão pra tirar uma mecha de cabelo de seu rosto.






_Ela é bem simpática_ Ashley comentou.


_É sim_ Joe concordou, simpática não era bem a palavra que ele usaria... Mais não havia necessidade de dizer isso.


_Acho que eu devia ir embora.


_Fica mais um pouco_ ele fez bico, envolvendo a cintura da garota e puxando pra perto.


_Não faz essa carinha_ ela apertou a bochecha dele_ sabe que eu não resisto.


_É essa a ideia_ ele sorriu descaradamente.






A garota não se conteve e riu também, jogando os braços em volta do pescoço dele e o beijando calmamente.


Enquanto isso lá em cima... Demi tomara um banho quente na tentativa de se acalmar, não ajudara muito. Vestiu uma calcinha que parecia um shortinho, pos uma blusinha folgada e se jogou na cama pegando o celular... Tinha de despejar sua irritação em alguém, ninguém melhor do que Selena.






_Oi Demi_ a voz de Selena não era muito animada.

_OI? É SÓ ISSO QUE VAI DIZER?_ Demi disse estressada.

_Nossa gata, porque o estresse?

_Como por quê? Você me abandonou no shopping com aquele maluco do David... Acredita que ele me agarrou no estacionamento?

_Vai me dizer que não gostou?_ ela riu.

_É CLARO QUE NÃO... Você sabe que eu tenho aversão aquele garoto.

_Não foi o que me pareceu quando você me contou o quanto ele era bom de cama.

_Nem foi tanto assim... Não posso dizer que foi a melhor transa da minha vida, mais ele tem pegada ué. Isso não muda o fato de que ele me da nos nervos, é grudento e imbecil_ resmungou saindo novamente do sério.



Selena riu do outro lado da linha... Demi tinha o gênio forte e se irritava muito fácil... E é claro que ela não perdia nenhuma oportunidade de tirar à amiga do sério... Ela achava até divertido.



_Para de rir criatura... Eu quero matar você_ disse zangada.

_Desculpe ter te abandonado lá... Mais achei que talvez o seu colega de moradia... Joe fosse te fazer companhia_ riu.

_Nem sonha Sel... Ele tem namorada.

_Desde quando isso te impede?_ provocou_ como é a baranga?

_Ela é estranha... Têm um rosto bonito, cabelos oxigenados... E um corpo muito sem graça. E tem um senso de moda terrível também... Tem cara de santinha mais... Ela é simpática_ deu de ombros.

_Um Deus grego daquele com uma baranga dessa?

_Ela não é tão ruim assim_ disse indiferentemente_ mais eu não liguei pra ficar falando da vida daquele garoto... Foi gritar e brigar com você.

_Olha, eu realmente adoraria ficar aqui ouvindo você gritar comigo... Mais já tem outra pessoa na fila pra isso.

_Quem?_ quis saber curiosa.

_Minha mãe_ Selena bufou.

_E porque ela quer brigar com você?

_Ela chegou do trabalho mais cedo e me pegou na cama com o Nick_ revirou os olhos_ foi o maior mico.

_Você ta ferrada.

_Que novidade... Olha, é sério. Agente conversa depois... Eu tenho mesmo que ir... Sorry.





E a ligação caiu... Demi bufou inconformada e largou o telefone de lado. Ficou um bom tempo assistindo TV, até que finalmente sem cansou e desceu até a cozinha pra comer alguma coisa. Deu de cara com Joe escorado no balcão, bebendo um copo de água. Os olhos dele avaliaram a menina rapidamente... Apenas de calcinha e uma blusa folgada, era tentação demais.






_Sua namoradinha já foi?_ ela questionou sem olhar pra ele, enquanto abria um pacote de biscoitos.


_Foi sim, já faz um tempinho_ ele respondeu calmamente.


_Você não me disse que tinha uma namorada_ ela comentou.


_Não achei que fosse importante.






_Claro... Não é da minha conta_ ela sorriu ironicamente.


_Não foi o que eu quis dizer_ ele tentou se defender.


_Tudo bem Jonas... Esqueça_ ela mordeu o biscoito_ Você não tem cara de quem namora sabe? Ficar com uma garota só.


_As aparência enganam_ ele sorriu de lado_ vou fazer um ano de namoro em algumas semanas.






Ela ergueu os olhos pela primeira vez para encará-lo... Isso era uma surpresa. Não esperava que ele namorasse, muito menos há tanto tempo. Mais podia imaginar o que ele fazia quando a namorada não estava por perto.






_Ela me pareceu ser uma boa garota_ Demi comentou.


_Ashley é uma garota incrível... Só... Certinha demais_ ele fez careta.


_Eu também notei isso_ riu.


_Ela é daquele tipo que acredita em amor eterno e em sexo só depois do casamento_ ele revirou os olhos.


_Quer dizer que vocês nunca... _ ela se interrompeu.


_Não_ ele afirmou.






Demi teve vontade rir mais se conteve... Imaginou algo assim quando a viu, mais era difícil acreditar que alguém como Joe poderia agüentar isso. E pra ele era mais difícil do que fazia parecer.






_Tenho pena da sua namorada_ ela riu_ como consegue passar pela porta?


Ele demorou um segundo antes de entender o que ela quis dizer.


_Eu não traio minha namorada_ ele disse indignado.


_Vai me dizer que nunca traiu ela?


_Bem... Depende do que você quer dizer com essa traição_ ele fez careta.


_Como assim depende? Traição é traição_ ela disse confusa.


_Eu já fiquei com outras garotas_ ele explicou_ mais não transei com nenhuma mulher desde que comecei a namorar com ela.






Realmente por essa ela não esperava... Ele estava namorando há um ano, ela não tinha transado com ele e ele não a traira?


_Você deve amar mesmo sua namorada né? Pra agüentar isso_ comentou distraidamente.


_Não sei se posso chamar isso de amor... Eu gosto dela, ela de mim... Somos amigos desde criança mais... Amor é uma palavra muito forte.


_Então porque aguenta?_ perguntou verdadeiramente curiosa.


_Ashley não merece isso... Ela é uma boa garota e gosta de mim verdade. Só não acho que seja justo com ela.


_É um modo de ver interessante... Sabe, é difícil acreditar mais... Acho bem legal... Acho que não existem muitos caras como você por ai_ ela disse sorrindo_ você me parece uma mistura interessante de um galinha sem vergonha e o namorado perfeito_ riu.


_Obrigada, você é muito gentil_ disse ironicamente.


_Pode acreditar que foi um elogio Jonas_ ela piscou pra ele.






Depois de um breve momento de riso ela se lembrara do ocorrido mais cedo com David no shopping e seu bom humor logo passara, então abriu a porta do armário atrás de algo mais gorduroso pra comer, e bateu todas as portas com força, irritada.






_Você parece meio estressada... O que houve?_ ele quis saber.


_Minha tarde não foi tão boa quanto a sua... Um dia me agarrou no shopping e a Selena me abandonou pra ir transar com o amiguinho dela... Fala sério_ revirou os olhos.


_Nossa_ ele riu.


_Não ria Jonas_ ela se aproximou mais dele_ não vai querer me ver com raiva de você.


_Que medo_ ele continuou em tom de zombaria.






Demi se irritava com as pessoas muito fácil, e também era muito vingativa. E quando se irritava com alguém não descansava até sentir que estavam quites. Por isso nunca era uma boa ideia mexer com ela... Muito menos rir da sua cara. Foi por isso que ela se aproximou de Joe, ficando cara e com seu corpo a centímetros do dele... Joe congelou na hora parando de rir, a proximidade com a garota que estava praticamente nua transmitindo uma sensação estranha por seu corpo.






_Jonas_ ela passou calmamente a mão pelo peito dele_ Se eu fosse você, tomava cuidado comigo. Afinal esta na minha casa, comendo minha comida... Vendo minha TV e usando minhas coisas_ a mão parou na barra da calça dele.


_Desculpe_ ele sussurrou um pouco nervoso.


_Assim melhor_ ela sorriu e colou seu corpo no dele_ não se esqueça que se você pisar na bola... Posso queimar o seu filme com a sua namoradinha. Então muito respeito.


_Você é baixinha de mais pra ser tão perversa_ ele brincou tentando parecer calmo.


_Nunca ouviu falar que tamanho não é documento?_ as mãos dela desceram mais um pouco, parando entre as pernas dele, que se encolheu na hora, prendendo a respiração.






Ela sorriu com a careta que ele fez e então deu um rápido beijo no canto de sua boca e se afastou dele... Pegou o pacote de biscoitos que comia e piscou pra ele antes de subir as escadas correndo com um largo sorriso no rosto.






_Já vi que essa garota vai me dar muito trabalho_ ele suspirou tentando acalmar seus hormônios_ porque diabos a filha do Marcus tinha de ser tão gostosa? Não podia ser uma nerd cheia de espinhas?_ continuou resmungando.






Joe estava a mais de um ano sem transar com nenhuma garota por respeito a sua namorada e tinha se saído bem até agora. Mais parecia que a partir daquele dia... Seria muito mais complicado ser um namorado fiel.


CONTINUA....

4 comentários:

  1. Selos flor. Parabéns --> http://needyounowjemi.blogspot.com/2011/06/desculpas-selos_17.html

    ResponderExcluir

Espero que tenham gostado do capítulo :*