Capítulo 6 – Escuridão

Fazia alguns minutos que os meninos tinham saído, e eu estava com medo... Não havia ninguém em lugar nenhum, estava escuro e nós estávamos sozinhas. Eu estava com medo, me pegava toda hora olhando em direção a porta, querendo que Joe passasse por ela e me abrassace... Que ele dissesse que era tudo uma brincadeira.




_Demi, você ta bem?_ Selena perguntou.

_Não, não estou_ suspirei_ porque isso esta acontecendo Sel? Primeiro o dia horrível que tive ontem e agora isso? Eu... Estou com medo_ confessei.

_Eu também_ ela segurou minha mão_ mais não devemos nos desesperar, vai dar tudo certo.

_Tomara... Porque os meninos não chegam?_ eu perguntei impaciente olhando pra porta.



Dani e Miley, que estavam juntas na cozinha comendo alguma coisa voltaram e se juntaram a nós no sofá da sala.



_Então, porque não conversamos pra passar o tempo?_ Dani sugeriu.

_Ok_ eu precisava mesmo pensar em outra coisa.

_O que aconteceu ontem... Entre você e o Joe?_ Miley questionou_ fiquei sabendo que vocês brigaram.

_Ah e... Agente sente muito pelo lance do David_ Dani acrescentou.

_Não sinta_ eu resmunguei me zangando só de pensar nele.

_Mais e então... O que houve?_ Miley insistiu.

_Não foi nada demais, agente só brigou por causa do David... Eu falei umas coisas que não devia na hora da raiva, ai agente conversou e se acertou_ dei de ombros.

_E ele dormiu aqui com você?_ Dani me fitou curiosamente.

_É_ respondi calmamente_ eu não queria ficar sozinha.

_E?_ Dani continuou a me encarar.

_E o que?_ eu não estava entendendo.

_Meninas?_ Selena as fuzilou com os olhos.

As três se entreolharam e ficaram rindo de alguma coisa que eu não entendi... Estava agradecida por elas terem mudado o assunto, mais meu coração ainda estava disparado e eu estava inquieta demais pra me concentrar na conversa. Eu queria que os meninos voltassem com noticias.



_Demi, posso te fazer uma pergunta?_ Miley pediu seriamente.

_Claro, o que quiser_ respondi com um meio sorriso, qualquer coisa pra espantar minha aflição.

_Já rolou alguma coisa entre você e o Joe?_ ela perguntou.

_Como assim?_ questionei espantada.

_Você sabe_ ela disse sem jeito_ vocês já... Ficaram?



Eu só fiquei olhando pra ela com cara de espanto... Eu realmente não esperava ouvir aquela pergunta... Não naquele momento. Claro, as pessoas sempre me perguntavam isso, porque estávamos sempre juntos, pra todo lado, dando apelidos carinhos, abraçados... Eles não entendiam.

Mais pelo jeito que elas me olhavam... Minha expressão era uma boa resposta.



_Vamos, conta_ elas pediram.

_Bom... Na verdade, agente já ficou uma vez_ confessei envergonhada.

_AH EU SABIA_ Miley riu apontando pra mim_ quando foi isso?

_Eu tinha 15 anos e ele 16... Foi bem antes de eu começar a namorar o David... Só... Aconteceu_ eu fiz careta.

_Quero detalhes_ ela ordenou.

_Gente, eu não estou em clima pra isso_ fiz bico, eu queria mudar de assunto.

_Agora termina de contar... É isso ou ficar olhando a escuridão lá fora, você escolhe_ Dani desafiou.



Eu fui obrigada a contar a elas o que aconteceu.

Foi há três anos atrás... Numa festa na casa de uns amigos. Nós nunca fomos de festas, estávamos meio excluídos... E eu tinha bebido, sendo que não deveria. Nós saímos escondidos da festa e fomos praquele campo, aonde sempre íamos quando queríamos fugir da vida... Bom, conversa vai e vem, álcool vai e vem... Agente acabou ficando.

Foi só aquela vez, depois nunca mais... Foi um pouco estranho, mais como éramos amigos e estávamos bêbados resolvemos deixar de lado. Com o tempo acabamos esquecendo disso. Isso não me importava quando eu estava com ele... Ele era meu amigo independente de qualquer coisa.



_Só uma vez?_ Miley fez bico.

_Foi só uma vez e estávamos bêbados_ eu resmunguei querendo mudar de assunto, mais acabei lembrando do que quase acontecera no quarto a alguns minutos atrás.

_Você devia namorar com ele_ Dani disse_ sua mãe ia morrer de alegria.

_Minha mãe_ eu me levantei num salto lembrando de repente dela.

_Demi o que foi?_ Selena perguntou assustada.



Eu peguei o telefone e comecei a discar os números da minha mãe... Eu tinha me esquecido dela... Será que ela e o papai e estavam bem? O telefone tocou uma, duas, três, quatro, cinco vezes e nada de ela atender.



_Minha mãe não atende_ eu disse aflita.

_A minha também não_ Miley comentou.

_Devem estar ocupadas_ Selena tentou confortá-las.

_Ou então desapareceram com o resto das pessoas_ eu disse com o coração disparado.

_As pessoas não somem assim Demi, eles estão em algum lugar_ ela disse nervosa.

_É? Onde?_ perguntei a fitando com raiva e desespero.



Ela não soube como responder como eu já esperava... E eu tive vontade de chorar. Estava completamente tomada por um monte de emoções ao mesmo tempo e não sabia como lhe dar com isso. Eu devia estar pagando por algum pecado ou coisa assim, só podia ser isso.

Nós quatro então ouvimos um barulho na porta, alguém tentando entrar... Nós gritamos com o susto e nos agarramos uma a outra encarando a porta com desespero.



_Meninas_ era voz de Joe_ somos nós... Abram à porta.

_Oh graças a Deus_ eu suspirei aliviada

Dani correu e foi abrir a porta... Os quatro meninos entraram e vieram até nós. Pela expressão no rosto deles, a noticia não era muito boa. Meu coração disparou e meus olhos arderam.



_Então... Acharam eles?_ eu perguntei.

_Não_ Joe disse com um suspiro_ não achamos ninguém.

_Como assim ninguém?_ Miley perguntou confusa.

_Não tem ninguém em lugar algum_ Nick explicou_ andamos o bairro todo, e o outro também... Não tem ninguém em lugar algum. As casas estão abertas e abandonadas, os carros também.

_Fomos à escola, ao shopping... Sumiu todo mundo_ Liam murmurou_ Todo mundo mesmo.

_As pessoas não podem ter sumido assim_ eu falei_ elas tem que estar em algum lugar... Joe.

_Bom... Se elas estão em algum lugar, estão muito bem escondidas, porque não vimos ninguém_ ele disse.



Fez-se um silencio desagradável na sala enquanto todos nos olhávamos aflitos... Primeiro essa escuridão estranha, e agora todo mundo havia desaparecido... O que estava acontecendo? Senti meus olhos se encherem de lágrima e não pude me conter. Eu estava com medo e não era a única.



_Demi, não chora_ Liam pediu e veio me abraçar.

_Onde foi parar todo mundo?_ eu perguntei o abraçando também_ pra onde eles foram? O que ta acontecendo?

_O que nós vamos fazer?_ Selena questionou.

_Eu tava pensando nisso_ Joe disse_ acho que não devíamos ficar aqui.

_Como assim?_ Miley perguntou.

_Não tem ninguém aqui_ ele explicou_ em lugar nenhum... Está escuro... Não devíamos ficar aqui sozinhos.

_E vamos pra onde?_ Nick perguntou.

_Procurar as pessoas_ ele disse_ elas tem que estar em algum lugar... Devíamos tentar descobrir. Não podemos ficar aqui sozinhos, no escuro, já que todos foram embora.

_Talvez eles tenham se escondido_ Dani disse.

_De que?_ Kevin questionou_ eles simplesmente desapareceram cinco minutos depois que vimos a noticia na TV. O resto do bairro também se escondeu? E os repórteres?

_E a policia, os bombeiros_ Selena comentou_ eu tentei ligar pra eles... Ninguém atende. Nem nossos pais.



Meus pais, e se tivesse acontecido alguma coisa com eles? Mais lágrimas desceram e meu medo aumentou ainda mais... O abraço protetor de Liam não era suficiente pra me manter calma... Nada poderia naquele minuto. Eu me sentia como se estivesse presa em um filme de terror... Eu odiava filmes de terror.



_Olha, eu não sei o que esta havendo_ Joe disse_ mais ficar aqui parados esperando a luz voltar e as pessoas aparecerem não vai ajudar em nada. Só acho que não é sensato ficarmos aqui quando todos foram embora. As pessoas não podem ter sumido, elas foram pra algum lugar e se foram... Foi por um motivo.

_E o que sugere que façamos?_ Selena perguntou.

_Bem, cada um vai pra sua casa, pegue coisas que possam ser necessárias e depois nos encontramos aqui em meia hora_ Joe falou com convicção_ então vamos procurar as pessoas e descobrir o que diabos esta havendo... Porque tem que ter alguém em algum lugar. Todos estão de acordo?_ ele perguntou.

_Sim_ concordamos.

_Mais uma coisa_ ele lembrou_ não fiquem sozinhos... Fiquem sempre... Com companhia, sabe... Por via das duvidas.

_Tudo bem_ Selena disse_ boa ideia.

_Podem ir_ Joe disse_ eu fico com a Demi e lembrem-se... Meia hora.



Então todos saíram, cada um indo pra suas casas arrumar suas coisas, Liam deu um beijo na minha bochecha antes de me soltar e sorriu pra mim dizendo que tudo ia ficar bem, que eu não me preocupasse. Como se fosse assim tão fácil.

Joe ficou parado onde estava durante um tempo... Nós nos encaramos em silencio, podíamos ver nos olhos um do outro tudo que estávamos sentindo, não era preciso dizer nada.

_Já comeu alguma coisa?_ ele perguntou de repente.

_Não_ discordei em um sussurro.

_Então, vai lá pra cima, troca de roupa e arruma suas coisas_ ele pediu_ enquanto eu arrumo alguma coisa pra você... Precisa comer.

_Não estou com fome_ murmurei cabisbaixa.



Ele suspirou, então caminhou calmamente até mim e me abraçou apertado, passando a mão pelos meus cabelos com carinho.

Estava tudo muito silencioso, silencioso até demais... Eu só podia ouvir o som dos nossos corações batendo disparado.



_Eu estou com medo_ confessei baixinho.

_Eu também... Mais tudo vai ficar bem_ ele sussurrou em meu ouvido_ eu prometo a você.

Tomara mesmo, eu queria que aquilo acabasse logo.

_Agora sobe e vai se arrumar, só temos meia hora... Eu ainda tenho que pegar minhas coisas_ ele disse.

_Não quero ficar sozinha_ disse ficando mais assustada.

_Eu não vou te deixar pequena_ ele me garantiu_ mais precisa se apressar.

_Tudo bem_ concordei.

_Eu vou estar aqui em baixo, qualquer coisa é só gritar_ ele avisou.

Eu concordei e subi as escadas correndo, eu não sabia pra onde íamos, mais qualquer lugar parecia melhor do que ficar ali, naquela rua vazia e sem vida... E Joe estaria me protegendo.



Joe Narrando





Enquanto Demi estava no quarto dela arrumando suas coisas eu foquei na cozinha preparando algo pra que ela pudesse comer. Eu podia ver nos olhos dela o quanto estava assustada, gostaria de poder fazer alguma pra mudar isso, mais eu não podia, porque embora tentasse esconder eu também estava morrendo de medo.

Eu estava tentando o máximo que podia pensar positivo... Que tudo que estava acontecendo tinha uma boa explicação, mais quanto mais os minutos passavam mais eu percebia que não tinha. Todos haviam sumido... O sol não nascera.

Não era normal, e não ia acabar bem... Mais eu ia continuar fingindo ser forte... Por ela e só por ela.

_Joe_ a voz suave chamou bem atrás de mim_ estou pronta.

Eu me virei e ela estava atrás de mim, tinha trocado de roupa e tinha uma mochila nas costas.

_Ótimo_ eu sorri pra ela e lhe entreguei o sanduíche que fiz_ vem comigo e come enquanto eu arrumo minhas coisas.

_Obrigada_ ela forçou um sorriso, cansada demais pra fingir que estava bem.



Nós caminhamos juntos e em silencio até minha casa que fiava ali ao lado, subimos direto ao meu quarto e eu fui ascendendo todas as luzes no caminho, eu nunca fui dessas coisas, mais agora estava começando a ficar com medo do escuro.

Demi se sentou na minha cama enquanto eu arrumava as coisas.



_Acha que vamos encontrar alguma coisa?_ Demi perguntou alguns minutos depois, dando uma pequena mordida no sanduíche.

_Claro que vamos_ garanti a ela, mais eu não tinha certeza_ vamos descobrir onde as pessoas se esconderam, talvez elas saibam o que esta havendo... Que eclipse é esse.

_Não entendo como puderam partir assim, deixando tudo pra trás_ comentou_ não faz sentido.

_Deve ter uma explicação_ argumentei.

_E se elas não fugiram?_ seus olhos me encararam com aflição_ e se algo as levou?

_Algo?_ ergui a sobrancelha em confusão_ como assim algo?

_Quero dizer... _ ela gaguejou_ alguém.

_Como alguém sumiria com todas as pessoas de um bairro de uma vez Demi?_ eu perguntei.

_Não sei_ deu de ombros_ mais prefiro pensar que alguém as levou, do que pensar que elas simplesmente sumiram sozinhas.



Realmente era mais fácil se pensasse assim... Mais fácil não, menos assustador.

Pensando bem, nada tornaria aquela situação menos assustadora. Eu terminei de arrumar minhas coisas e voltamos rapidamente pra casa de Demi... Os outros já estavam lá nos esperando.

_Pegaram tudo?_ eu perguntei.

_Sim_ eles concordaram.

_Aonde vamos?_ Dani perguntou segurando a mão de Kevin.

_Não sei exatamente_ confessei_ por enquanto vamos dar uma volta por ai e vemos se encontramos alguém por perto.

_E se não acharmos?_ Selena questionou.

_Vamos achar_ eu a olhei seriamente.

_Tem certeza que é uma boa ideia ficarmos vagando por ai no escuro?_ Miley me olhou desconfiada.

_Bem... Não temos muitas opções_ dei de ombros_ só sei que não vou ficar de braços cruzados esperando uma resposta cair do céu bem na nossa frente.

_Só estava perguntando_ ela suspirou.

_Vamos logo_ eu chamei_ não temos tempo a perder.



Então nós saímos da casa, trancando a porta atrás de nós... Encaramos por um longo minuto a rua vazia e escura a nossa frente, aterrorizante. Eu não sabia pra onde íamos, nem se íamos encontrar alguma coisa... Só queria sair daquele lugar o mais rápido possível.

 
CONTINUA ...
Minhas liindas vocês estao gostando da história?? no proximo post eu respondo aos comentários , agora to com preguiça de responder (:

6 comentários:

  1. Está simplesmente divino...
    Posta Logo
    Please

    ResponderExcluir
  2. lindooo
    posta posta postaaa
    quero mais kk'
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Posta logo,eu quero saber o que vai acontecer,e o porque de todo mundo ter sumido,posta logo
    Bjô

    ResponderExcluir

Espero que tenham gostado do capítulo :*